TRE-RN monta comissão para fazer auditoria nas urnas e abre processo para qualquer interessado fiscalizar

TRE-RN monta comissão para fazer auditoria nas urnas e abre processo para qualquer interessado fiscalizar
11 ago 2022

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE-RN) formou a comissão que será responsável por dois dos mais importantes processos de auditoria das urnas eletrônicas que serão usadas nas eleições de 2022: o Teste de Integridade e o Teste de Autenticidade. Os dois processos ocorrerão no dia da eleição.

A composição do grupo foi divulgada nesta quarta-feira (10) no Diário Oficial da Justiça Eleitoral. O grupo será integrado por 10 membros, sob a presidência da juíza Hadja Rayanne de Alencar, com acompanhamento da procuradora da República Cibele Benevides, indicada pelo Ministério Público. Todos os integrantes da comissão são servidores da Justiça Eleitoral.

A partir de agora, partidos políticos têm 3 dias para, se for o caso, impugnar a presença de qualquer um dos membros. Se não houver questionamento, o grupo deverá instalar a comissão em até 30 dias, para planejar e definir o cronograma dos trabalhos. Todo o processo poderá ser acompanhado por entidades fiscalizadoras, incluindo representantes de partidos, candidatos e especialistas em tecnologia, além de militares das Forças Armadas.

No dia da eleição, a comissão fará, em local público, os dois testes em urnas escolhidas por entidades fiscalizadoras ou sorteadas. As urnas submetidas a auditoria serão retiradas das seções onde já estão instaladas e serão levadas para a perícia.

No Teste de Integridade, na mesma hora em que ocorre a votação oficial, números anotados em cédulas previamente preenchidas por qualquer cidadão são digitados, um a um, nas urnas eletrônicas. Paralelamente, os votos em papel também são registrados em um sistema de apoio à votação, que funciona em um computador. Concluído o teste, às 17h, o resultado é apurado na urna eletrônica e confrontado com o obtido através da apuração manual.

Essa comparação é feita com o intuito de aferir se o voto eletrônico funcionou adequadamente e se os votos em papel, digitados na urna, foram os mesmos registrados pelo aparelho.

Até hoje, o resultado nunca foi divergente. Desta vez, como nas outras eleições, o processo será filmado e transmitido ao vivo. Qualquer cidadão pode acompanhar este processo.

Já no Teste de Autenticidade, a equipe confere publicamente se estão instalados na urna da seção os sistemas oficiais da Justiça Eleitoral. Entidades fiscalizadoras ou qualquer pessoa interessada podem indicar um programa para conferir os sistemas da Justiça Eleitoral.

Compartilhar

Anna Ruth
Anna Ruth

Anna Ruth Dantas é jornalista, apresentadora do programa RN Acontece, da Band Natal; produz e apresenta o programa Jornal da Cidade, da Rádio Cidade (94 FM - Natal), e apresenta o programa Panorama do RN (em rede com 16 emissoras de rádio do Rio Grande do Norte). Jornalista de grande credibilidade, atua também como consultora e ministra cursos de midia trainning na Trilhar Educação Corporativa.